Um espaço de aprendizagem

Femache

Retângulo composto por 6 faixas horizontais, nas cores rosa, rosa clara, rosa quase branca, azul quase branca, azul e azul forte.

Bandeira femacha

Alguém femache possui uma experiência de gênero de ser homem e mulher simultaneamente.

A descrição original do termo não especifica se femache é um gênero único que se encaixa nesta descrição ou se é uma experiência bigênero específica. É provável que o termo possa ser usado de ambas as formas, e também como um gênero entre mulher e homem (de forma similar a interpretações de como é ser andrógine).

No entanto, o que a descrição especifica é que femaches não precisam ser metade mulheres e metade homens, o que pode significar que femaches podem se sentir mais mulheres ou mais homens e/ou que tais experiências de gênero não precisem estar separadas. Também diz que femache não precisa ser a única experiência de gênero da pessoa: ou seja, alguém pode se dizer poligênero femache/gênero neutro/maverique/nímise, por exemplo.

A publicação cunhando este termo foi feita por AP no Tumblr Beyond MOGAI Pride Flags no dia 01 de outubro de 2018. Sua bandeira foi postada junto à definição do termo, mas os significados dos elementos da bandeira não foram explicados.

A palavra femache vem de fêmea e macho. Seu final de palavra é flexível: uma pessoa que usa o final -a seria chamada de femacha, uma pessoa que usa o final -o seria chamada de femacho, e por assim vai. Aparentemente, não existem especificações sobre se femache é substantivo (“ume femache”) ou adjetivo (“uma pessoa femacha”).

Uma alternativa na língua inglesa fornecida por AP em uma postagem de 24 de julho de 2020 é femal, que é baseada em female (fêmea) e male (macho). Femal possui sua própria bandeira, composta por 5 faixas horizontais sendo que a central é branca, e de resto tal bandeira é similar à bandeira femacha.


Links adicionais: