O meu género

Início Fóruns Comunidade Identidades O meu género

Este tópico contém respostas, possui 3 vozes e foi atualizado pela última vez por  Aster 3 semanas, 5 dias atrás.

Visualizando 3 postagens - 1 até 3 (de 3 do total)
  • Autore
    Postagens
  • #4647 Quote

    Joana Teixeira

      Participante

      Boa tarde!
      Eu tenho pensado muito na minha sexualidade, e eu não percebo muito deste tema então surgiu-me uma duvida.
      Porque eu pensei que sempre fui atraída por homens, tanto romanticamente como sexualmente. No entanto, eu recordo-me que desde pequena (tipo 12 anos) já me imaginava com mulheres em situações mais intimas. Mas nunca liguei muito a isso, porque foram poucas as vezes. Mas atualmente com os meus 18 anos eu estou a sentir mais isso (apenas com uma pessoa em especifico e não com as mulheres em geral).
      Experimentei ver porno lésbico pela primeira vez e achei estranho o facto de só sentir algo aqui dentro de mim quando a relação sexual entre as mulheres começou e não no inicio quando as mulheres estavam simplesmente a beijarem-se.
      Eu sinto algo quando vejo um homem e uma mulher a beijarem-se, mas com duas mulheres não sinto nada.
      Para mim, beijar no sexo é algo muito intimo. No entanto, quando me imagino com mulheres em relações sexuais, nunca me imagino a beijá-las, mas quando me imagino com homens, imagino-me a beijá-los.
      No entanto – mais uma vez – com a pessoa em especifico, eu consigo me imaginar beijá-la durante o ato, mas apenas com ela, é a única mulher que eu consigo imaginar.
      Estive a fazer pesquisas sobre biflux e heteroflex – eu não sabia que heteroflex existia mesmo – e pesquisei sobre outros géneros também, mas fiquei um pouco confusa sobre qual seria o meu kkkkkk
      Obrigada desde já!

      0
      #4656 Quote

      Dani Camel
      • e/Elae/a(o)
      • -/ele/e

      Participante

      Seu caso é bem parecido com o meu KK. Já passei por isso quando vi porno hetero. Talvez porque eu me imagine com vagina. Atualmente nem sinto tanto atração por um gênero diferente de masculine e características corporais diferentes do corpo testiculade e testo como peitoral, barba e essas coisas, mas acontece as vezes um “ops”. E isso é flexibilidade com certeza no meu caso. Quando a gente sente atração por 1 coisa só em específico mas pode haver exceções, fluidez,e/ou ocasiões, onde isso não é totalmente, sempre e exclusivamente verdade.

      Você também pode ter aquilo que chamam de orientação cruzada. Quando por exemplo você é bissexual, e heterromantique. O que é quase seu caso. Por isso você sente tesão(?) em relação ao sexo, mas não ao carinho, aos beijos e carícias que você associa à amor romântico.

      Você pode usar heteroflexivel, androflexivel, virflexível, ou monoflexivel etc. E têm outros termos mais objetivos como parossexual, variorientade etc

      Obs: No Brasil se utiliza o termo gênero para falar sobre identidade de gênero, qualidades de gênero, expressão de gênero etc, mas principalmente sobre como você se identifica (homem, mulher, agênero, gênero fluído etc). E como esse é um blog brasileire, então acho que seria melhor você editar o título pra “minha orientação sexual”

      (shanee’a!)

      0
      #4668 Quote

      Aster
      • ed/eld/e
      • -/éli/e

      Admin

      Eu não veria problema em usar gênero/género como orientação se fosse assim em outros países também, mas, dando uma procurada, vejo que em outros lugares também se usa gênero como o que você é (homem, mulher, agênero, não-binárie…) enquanto ainda se usa orientação como um rótulo que expressa por quem você se atrai (hétero, gay, lésbica, bi..). É só um toque; entendemos o que você quis dizer, mas é meio confuso você falar como se estivesse questionando seu gênero quando você está questionando sua orientação.

      Quanto à pergunta em si:

      Conteúdo oculto por conter pornô, discussão sobre libido e excitação
      – Se excitar com pornô não significa atração. Muita gente assexual consome material pornográfico porque ver o ato sexual ajuda a sentir prazer, ainda que não quisessem participar do ato se tivessem a oportunidade. Também já soube de mulheres hétero que gostam de ver pornô com sexo entre mulheres porque é um gênero de pornografia aonde mulheres sentem prazer, aonde há um esforço para que mulheres sintam prazer, enquanto pornografia duárica/hétero tende a focar muito mais no prazer do homem.

      – Sim, você pode ser heteroflexível (presumindo aqui que você seja mulher por conta de como escreveu o tópico); e, mesmo sentindo pouca atração por mulheres, você ainda pode usar termos como bi e multi. Se sua atração muda de tempos em tempos, bifluxo pode ser uma alternativa, mas se continua estável, pode não ser um termo ideal.

      (Gostaria de notar que o termo androflexível possui conotações problemáticas, e que o termo virflexível é exclusivo para pessoas não-binárias.)

      – Você também pode, como Dani descreveu acima, ter uma orientação dividida, e ser bissexual + heterorromântica (presumindo que você usa o final de palavra a por conta de ser o que você usou na postagem). Se quiser saber mais, aqui tem uma página falando sobre orientação sexual, e aqui tem uma página falando sobre orientação romântica.

      – Você também pode usar termos mais abertos, como novi e pomo, se não quiser se decidir por nada mais específico.

      – E aí existem termos que são mais “meio-termo” entre termos que não definem muita coisa e termos mais específicos. Você pode se identificar como duárica ou como salietiana, por exemplo.

      Agora, o que você é? Você é quem tem que olhar as informações disponíveis e decidir quais rótulos vai usar ou deixar de usar. Lembre-se de que nenhum rótulo precisa ser um comprometimento eterno, e de que você pode usar quantos rótulos quiser.

      0
    Visualizando 3 postagens - 1 até 3 (de 3 do total)

    Você deve fazer login para responder a este tópico.