Relatório sobre as rodas de validação bi do grupo Bi-sides (2018/1)

Início Fóruns Comunidade Identidades Relatório sobre as rodas de validação bi do grupo Bi-sides (2018/1)

Este tópico contém resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  Aster 4 meses, 2 semanas atrás.

Visualizando 1 postagem (de 1 do total)
  • Autore
    Postagens
  • #4470 Quote

    Aster
    • ed/eld/e
    • -/éli/e

    Admin

    Aviso de conteúdo: Apagamento anti-multi. As partes mais gritantes vão estar dentro de spoiler.

    O que é?

    Foram encontros a cada dois domingos, no Centro Cultural São Paulo (no centro da cidade), cada um com um tema vagamente seguido (como “bi no trabalho” ou “bi na família”), todos em relação a experiências “bi+”, com o objetivo de fazer pessoas se sentirem mais seguras em sua atração por múltiplos gêneros, e compartilharem suas experiências. As rodas são moderadas por pessoas que trabalham na área de saúde mental.

    Os encontros iam das 14 até as 18, e depois geralmente fomos para algum dos bares próximos para conversar informalmente por mais algumas horas.

    Durante o tempo que ficávamos na CCSP, havia crochê disponível para quem quisesse fazer/aprender. Eu também levei teares de pulseira e eu e @queerneko ensinamos algumas pessoas a fazer.

    Eu uso aqui “bi+” ao invés de multi (a palavra que geralmente escolho usar para pessoas que sentem atração por mais de um gênero independentemente da orientação) porque tanto no evento do Facebook, quanto presencialmente nas rodas, quanto no nome do grupo, praticamente sempre usam “bi” ou “bissexual”, às vezes com tal rótulo acompanhado de “monodissidente”, “pan e poli” ou “multissexual”. (Pra quem não sabe, existem orientações além da sexual, então bissexual não inclui todas as pessoas bi e multissexual não inclui todas as pessoas multi.)

    Por conta disso, eu duvido que muitas pessoas multi que não gostam de usar bi tenham se sentido completamente à vontade no evento, e até mesmo que muitas tenham conseguido acesso à informação sobre esse evento, ou interesse em participar dele. Lembrem disso, porque vai ser importante mais tarde.

    Intersecções?

    Muito se falou sobre ser bi+ e mulher, ou bi+ e homem. Houveram tentativas de falar sobre ser bi+ e negre, trans, NB, imigrante, e/ou assexual, mas como é uma roda de conversa e não temos boas quantidades de pessoas que fazem parte dessas intersecções, a coisa fica meio complicada.

    Dito isso, posso falar que fora algumas pessoas insistindo em me maldenominar, e fora a questão de “multi = bi = bissexual” não houveram episódios marcantes de apagamento de intersecções ou discriminação contra grupos marginalizados.

    Ignorância e apagamento

    Yeah, é agora que eu falo sobre apagamento multi.

    Conteúdo oculto por conter apagamento e discriminação contra identidades incomuns
    .

    Várias vezes, foi levantada a questão de “bi vs pan”. Não me leve a mal: tem gente que se identifica com ambas as identidades na roda, e o pessoal entende que pessoas pan não são só odiadoras de pessoas bi.

    O que acontece é que toda vez que era levantada a questão de “qual a diferença entre bi e pan”, focavam demais na ideia de que os rótulos eram iguais, porque eram pra gente que não se importava com gênero, ou que não rejeitaria alguém por conta do gênero.

    Eu sempre tentei falar que bi é “atração por mais de um gênero”, enquanto pan é “atração por todos os gêneros ou independentemente de gênero”, e que enquanto pessoas pan podem se identificar como bi se quiserem, nem toda pessoa bi vai se encaixar em pan. E minha preocupação sempre foi ignorada, porque “pessoas bi que não sentem atração por todos os gêneros são raras”.

    Como alguém que usava bi por não querer insinuar que minha atração é necessariamente por todos os gêneros ou por dois ou por três ou por dez ou por vários menos alguns… isso obviamente me deixou desconfortável.

    A ponto de eu não me sentir bem em nenhum rótulo multi agora. Porque bi era o que servia pra mim, mas agora tá foda, já que a comunidade bi local reluta para admitir a existência de pessoas bi que ligam para gênero ou que não são capazes de sentir atração por todos os gêneros.

    Ao mesmo tempo, chamaram todas as identidades multi de “espectro bi”, e disseram que identidades flexíveis só são usadas por “bimisia internalizada”, porque “bi cobre isso”.

    Tipo.

    Se você quer que seu rótulo seja aceito por todo mundo que se encaixa em sua descrição, você PRECISA validar todo tipo de experiência possível que pode caber naquele rótulo.

    Se você quer que pessoas multi estejam ok com “bi” ou “bi+”, você precisa constantemente lembrar que pessoas bi:

    – podem sentir atração independentemente do gênero;
    – podem ter preferência de gênero;
    – podem sentir atração por dois/poucos gêneros;
    – podem sentir atração por diversos gêneros de formas diferentes;
    – podem ser birromânticas, bialternativas, biqueerplatônicas, bissensuais/bissensoriais, etc.;
    – podem não sentir atração por um ou pelos dois gêneros binários;
    – podem sentir atração por gêneros diferentes em tipos de orientações diferentes;
    – podem querer usar outros rótulos junto com o rótulo de bi, e podem até priorizar mais outros rótulos do que bi.

    E é importante respeitar quem não se identifica como bi, de qualquer modo. Usar “espectro bi” em pleno 2018, ainda que bi possa sim cobrir desde pessoas heteroflexíveis e certas pessoas proqua até pessoas urânicas e pan, ignora as várias vozes de pessoas multi que não querem ser chamadas de bi.

    Não acho que é um problema ter uma roda de conversa para pessoas que se identificam como bi especificamente, mas acho que, se for para fazer isso, também precisam ter o cuidado de não se considerar a única identidade multi possível, e de não ignorar que existem pessoas bi que não cabem no rótulo pan. Do jeito que está, acho melhor fazer uma roda explicitamente multi, e tentar convidar mais pessoas multi que não se identificam como bi para que essa questão seja melhor levantada.

    (Btw, também seria legal ter mais experiências variorientadas lá.)

    Conclusão

    Essas rodas podem ser legais para você se:

    • Você realmente não tem preferência entre bi e pan;
    • Você quer interagir com a comunidade bi+ e/ou ouvir experiências bi+, em espaços que falam sobre atração por mais de um gênero;
    • Você se interessa em validar suas experiências de uma forma um pouco mais profunda que “pessoas bi existem e fazem parte da comunidade”;
    • Você precisa desesperadamente de um espaço físico LGBTQIAPN+ que não tenha vibrações REGsReactionary Exclusionary Gatekeepers (Guardiães do Portão Excludentes e Reacionáries): Em relação à comunidade LGBTQIAP+, são pessoas de dentro da comunidade que querem excluir parte dela, normalmente por motivos de assimilação e/ou preconceito. Existem vários tipos de REGs, mas geralme..., alossexistas ou cissexistas em geral;
    • Você se interessa em conhecer pessoas e fazer arte manual.

    Essas rodas talvez não sejam tão legais para você se:

    • Você tem um rótulo específico e não aguenta mais ter gente centralizando bi/bissexual como a única identidade multi (ou não-mono) possível;
    • Você tem certeza que sente atração por poucos gêneros, e não quer ter que ouvir um monte de gente agindo como se escolher bi ou pan fosse somente preferência pessoal e não uma questão de como sua atração funciona;
    • Você quer dar toda uma palestra sobre suas experiências, já que geralmente os grupos são grandes demais para ter só uma pessoa falando.

    Tipo, não me levem a mal. São pessoas legais, e o ambiente é legal.

    Conteúdo oculto por conter apagamento de novo
    Mas essa atitude em relação à identidade bi como “na verdade a mesma” que outras identidades mais específicas – uma história que vai mudando dependendo de qual identidade multi está sendo taxada de “só bi” na hora – pode estar afastando pessoas multi que poderiam de outras formas estar ali ou se sentir inclusas mesmo não sendo dos “tipos mais comuns” de bi. Ou pessoas que talvez nem estejam confortáveis em se chamar de bi, mas que enfrentam monossexismo e/ou sentem atração por múltiplos gêneros.

    2
    • Este tópico foi modificado 4 meses, 2 semanas atrás por  Aster.
Visualizando 1 postagem (de 1 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.