Atração Romântica

Início Fóruns Comunidade Identidades Atração Romântica

Este tópico contém respostas, possui 3 vozes e foi atualizado pela última vez por  kau 1 mês atrás.

Visualizando 6 postagens - 1 até 6 (de 6 do total)
  • Autore
    Postagens
  • #4500 Quote

    Caos
    • Todos/Todos/Todos

    Participante

    Então, aqui vai a grande pergunta: Como é a atração romântica e como saber se a estou sentindo? Agradeço se puderem detalher bem, porque estou cheie de dúvidas.

    0
    #4501 Quote

    kau
    • e/ily/-
    • a/elu/e

    Participante

    Pode ser a vontade de namorar romanticamente, amasiar (morar junte), se relacionar gamicamente e relacionamentos sérios. Pode-se dizer que romanticidade é um subtipo de amoria (atração amorosa), onde há monoamor e poliamor. Porém, como romance e amor romântico são construções sociais (empiristas), pessoas podem tratar seus relacionamentos como parcerias quasiplatonicas ou amicais (amizades), mesmo não parecendo.

    1
    #4502 Quote

    Caos
    • Todos/Todos/Todos

    Participante

    É algo complicado para mim, pois não tenho certeza se realmente sinto ela. Eu diria que desejo algo mais além de uma amizade, mas não como um relacionamento romântico convencional, até porque sinto desespero e nojo apenas de me imaginar em certas situações do tipo.
    É possível ter um relacionamento com alguém além dos padrãos (amizade, amoroso, etc..)?

    0
    #4503 Quote

    kau
    • e/ily/-
    • a/elu/e

    Participante
    Caos escreveu:

    É possível ter um relacionamento com alguém além dos padrãos (amizade, amoroso, etc..)?

    Sim, são chamadas de relações queerplatonicas.

    Relacionamentos queerplatônicos ou quasiplatônicos (RQPs ou QPRs): Estes relacionamentos geralmente são mais íntimos do que amizades; pessoas nestas relações podem almejar morar juntas, trocar carinhos interpretados como românticos, terem exclusividade sexual entre si, entre outros fatores, sem ter atração romântica envolvida.

    Você pode ler em: https://arco-pluris.tumblr.com/post/170664147022/qpr
    https://facebook.com/923497334498881
    http://assexualidade.forumeiros.com/t4046-relacionamentos-queerplatonicos

    0
    • Esta resposta foi modificada 1 mês, 1 semana atrás por  kau. Motivo: arrumar links
    #4570 Quote

    Tath
    • ed/eld/e
    • -/éli/e

    Admin

    Acho difícil descrever atração romântica, ainda que eu seja capaz de senti-la. Porque nada do que eu falar é exclusivo de atração romântica. Então, embora seja uma resposta vaga e pouco desejada, eu diria que o que vale é como você se sente em relação às atrações que você sente.

    É difícil encontrar recursos além de questões básicas sobre atração queerplatônica e alternativa e respectivos relacionamentos, mesmo em inglês, mas posso adicionar o seguinte:

    Um conhecido meu homoalternativo já descreveu atrações alternativas como a não-binariedade das atrações. Ou seja, a atração alternativa pode descrever não só atrações que podem ser chamadas de queerplatônicas, mas outros tipos de atração que você quiser descrever que não sejam platônicas ou românticas. Pode se referir a um tipo de atração completamente diferente, adjacente à atração platônica, adjacente à atração romântica, entre platônica e romântica, etc. Então é um tipo de atração/orientação bem versátil, se você não consegue ver seus sentimentos como românticos.

    Também é possível ter repulsa a relacionamentos/atos românticos e ainda sentir atração romântica, assim como isso pode acontecer em relação à atração sexual.

    Espero que isso tenha ajudado. x_x

    you are stronger than you were this morning
    even if it does not feel this way
    and you will become stronger still
    strong enough to walk on your own

    1
    #4571 Quote

    kau
    • e/ily/-
    • a/elu/e

    Participante

    A atração alternativa (alterosa/alterous) foi realmente muito boa, ela chega a ser mais abrangente que a platônica eu diria. Ela pode ser descrita por ser um desejo de proximidade emocional que não é romântica ou (quasi)platônica (ou que se encontra entre as duas), às vezes ela faz interação com a atração dorárica (parecida com a platônica porém mais espiritual/cultual/contemplativa), protetiva (tutelar), cedural (cedível/submissiva), gâmica/marital, psicológica/mental/intelectual, amorosa, entre outras que são interpessoais mas nunca chega ser impessoal. Eu diria que ela é mais potencial (no sentido de figurativa, ideal e intangível) do que a queerplatonica (que eu vejo mais como presencial, física e material), porém elas costumam ser ditas como iguais, apenas como se uma fosse orientação relacional e outra atracional.

    0
Visualizando 6 postagens - 1 até 6 (de 6 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.