Um espaço de aprendizagem

Gênero-cinza

Bandeira gênero-cinza por Inver

Uma pessoa gênero-cinza, ou graygênero/greygênero, se identifica ao menos parcialmente com um gênero não-binário ou com ausência de gênero, e possui uma ambivalência natural em relação ao seu gênero e/ou à sua expressão de gênero.

Pessoas gênero-cinza sentem possuir gênero, e inclinação ou desejo de expressá-lo, mas tal inclinação é fraca ou indefinível/indeterminada de certa forma, ou não é sentida pela maior parte do tempo, ou a pessoa gênero-cinza não se importa muito com sua inclinação.

Ou seja, pessoas gênero-cinza não possuem uma ausência total de gênero ou de expressão de gênero, mas também não possuem uma “presença total” dessies, por assim dizer.

Esta é a definição de quem cunhou o conceito de gênero-cinza, Inver (invernom no Tumblr). Elx também escreve que a utilização do rótulo gênero-cinza pode expressar:

  • O estado de estar perto de agênero, mas de não ser exatamente agênero (Inver compara o conceito de gênero-cinza x agênero com o conceito de gray-assexual x assexual);
  • Ter um gênero não-binário que está numa área cinza incerta e que é difícil de definir ou apontar;
  • Ter um gênero mais ou menos neutro mais por ambivalência e falta de participação em [expressão de] gênero do que por uma participação ativa em expressão de gênero não-binária;
  • Sentir gênero e inclinação em participar do conceito de pensamentos ou expressões de gênero menos do que a maioria das pessoas.

Tentando resumir, gênero-cinza pode ser caracterizado como um gênero não-binário fraco ou incerto, também relacionado à falta parcial ou total de desejo de expressar gênero.

Ainda que as definições de gênero-cinza reforcem a ideia de ser um gênero não-binário para pessoas relativamente indiferentes a gênero, existem pessoas cujo gênero-cinza possui alguma conexão com gêneros binários, com gêneros não-binários específicos, ou com feminilidade e/ou masculinidade. Ser gênero-cinza também não impede alguém de buscar transição ou de sentir disforia de gênero.

A postagem cunhando o termo graygender/greygender, que é o nome original em inglês de gênero-cinza, foi postada em 20 de março de 2014.

Em 26 de maio de 2014, Inver percebeu a demanda por uma bandeira gênero-cinza, e então criou a primeira, composta por cinco faixas horizontais: a primeira cinza clara, a segunda branca, a terceira azul escura, a quarta branca e a quinta cinza. As faixas brancas são menores do que as outras. Inver dá os seguintes significados às cores:

  • Cinzas: um tom claro e um tom escuro representam o espectro de identidades que gênero-cinza cobre, já que algumas pessoas desta identidade sentem mais gênero do que outras;
  • Azul escura: representa gênero-cinza como identidade e experiência, em uma analogia a águas profundas de um oceano: são calmas, mas possuem fluidez e variações sutis, e como não há muita luz não é possível enxergar muito bem o que está acontecendo, mas ainda é um lugar bonito cheio de coisas interessantes e misteriosas;
  • Branca: representa a pureza e a validade das pessoas gênero-cinza e de suas experiências. Sentir gênero menos vezes ou em menor quantidade, ou não apresentar este gênero tanto quanto outras pessoas e etc. não faz de pessoas gênero-cinza piores ou inválidas.

Nota: A equipe do site Orientando possui ciência de que o significado das faixas brancas possui implicações racistas, mesmo que não tenha sido a intenção de quem criou a bandeira (ou qualquer bandeira derivada). Porém, achamos mais adequado apontar este problema do que ignorar a existência das duas bandeiras gênero-cinza mais populares, ou do que mascarar um significado que pode fazer diferença para quem está considerando portar a bandeira.

Bandeira gênero-cinza, por Mayome

Em 17 de junho de 2015, Mayome (mayome no Tumblr) postou sua versão da bandeira gênero-cinza. Citou os mesmos significados das cores, mas seu arranjo é diferente: a bandeira é composta por sete faixas horizontais de mesmo tamanho, nas cores cinza escura, cinza clara, branca, azul petróleo escura, branca, cinza clara e cinza escura.

A bandeira de Mayome veio depois, mas é bastante espalhada por aí; é possivelmente mais conhecida do que a bandeira original de Inver.

Além destas bandeiras, existem alguns rascunhos de Inver em relação à bandeira original, e mais uma bandeira delx, feita em resposta a uma pessoa que disse que via seu gênero-cinza como se fosse cinza, cinza rosado e cinza azulado, além dos rascunhos desta bandeira. Porém, a pessoa que perguntou pela bandeira acabou concordando que a original era melhor.

Não confundir gênero-cinza com gênero-cor; é possível que uma pessoa seja gênero-cinza por ser gênero-cor e defina seu gênero-cinza de forma completamente diferente a esta!


Links adicionais:

Pular para a barra de ferramentas